noticias

O Dia Mundial contra a Aids completará 30 anos no próximo 1º de dezembro. Este ano, o tema escolhido pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (Unaids) é o “Conheça seu estado sorológico para o HIV”. A ideia é conscientizar as pessoas, em todo o mundo, sobre a importância da testagem.

Atualmente, 75% das pessoas vivendo com HIV conhecem seu estado sorológico. A meta da Organização das Nações Unidas (ONU) é garantir que esse número chegue a 90% em 2020. Aqui no Brasil, mais de 860 mil pessoas vivem com HIV, sendo que 84% delas foram devidamente diagnosticadas. Em 2017, foram distribuídos 11,8 milhões de testes rápidos para todo o Brasil. Neste ano, até agosto, já foram enviados a todos os estados e Distrito Federal 8,1 milhões de testes.

O teste de HIV, lembra a Unaids, é essencial para expandir a cobertura do tratamento antirretroviral e, assim, garantir que todos os indivíduos com HIV possam levar vidas saudáveis e produtivas. O diagnóstico também é importante para que as pessoas façam escolhas adequadas sobre métodos de prevenção.

A Fiotec apoiou um projeto, que no fim de 2014, iniciou a realização de testes rápidos de HIV em duas unidades móveis (trailers) na cidade de Curitiba (PR). O programa “A hora é agora – testar nos deixa mais fortes”, voltado à prevenção e controle do HIV entre gays e homens que fazem sexo com homens (HSH), dois dos grupos mais vulneráveis à infecção pelo HIV, tinha como proposta fornecer os resultados dos testes em pouco mais de 20 minutos.

A iniciativa foi fruto de uma parceria entre a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), o Centers for Disease Control and Prevention (CDC), a Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba, a Universidade Federal do Paraná (UFPR), Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, a Unaids e o Grupo Dignidade (ONG da cidade de Curitiba).

Em 2015, a coordenadora do projeto, Marly Cruz, concedeu uma entrevista ao informativo Conexão Fiotec-Fiocruz. Leia na íntegra.

*Com informações do portal de Bio-Manguinhos/Fiocruz.